quinta-feira, 16 de setembro de 2010

A Mulher do Viajante no Tempo - Audrey Niffenegger

Eu deveria ter lido esse livro para o Desafio Literário do mês de julho, a sugestão era a leitura de um livro que teve adaptação para o cinema, como achei que a leitura ia ser rápida deixei para a última semana, mas não dei conta da leitura! Leitura atrasada, resenha mais atrasada ainda! Mas antes tarde do que mais tarde! Certo?!

Quando era criança, eu não via a hora de
estar com Henry. Cada visita era um acontecimento.
 Agora, cada ausência é um não acontecimento, uma subtração, uma aventura sobre a qual vou ouvir quando meu aventureiro se materializar aos meus pés, sangrado ou assobiando, sorrindo ou tremendo. Agora tenho medo quando ele some. (pág. 243)

Em "A mulher do viajante no tempo" de Audrey Niffenegger, publicado pela editora Suma de letras, conhecemos a história de Henry DeTamble e Clare Abshire. Ele, um bibliotecário e ela, uma linda estudante de arte.

Os dois se apaixonam e vivem uma história de amor com características únicas. Henry possui uma rara condição genética que o faz viajar pelo tempo involuntariamente em momentos de estresse, os deslocamentos são imprevisíveis e Henry é incapaz de controlá-los.

Essa condição faz com que o casal viva se reencontrando ao longo da vida, com idades diferentes, e não necessariamente na ordem cronológica. Ele pode ter 28 anos e ela 20; ele pode ter 40 e ela 6. E Clare, para quem o tempo passa normalmente, tem de aprender a conviver com a ausência de Henry e com o caráter inusitado de sua relação.

O livro é narrado em primeira pessoa pelos dois personagens principais e dividido pelas narrativas de Henry e de Clare, e muitas vezes um acontecimento é narrado sob a perspectiva de cada um dos personagens.

O livro possui uma história de amor e amizade, repleta de encontros, perdas, despedidas e reencontros, que supera o tempo e a distância. Um enredo que deveria ser repleto de emoção, mas que por conta da narrativa não transmite intensidade. Tive a impressão de que os fatos são apenas descritos, sem 'calor'. Talvez falte pontos de exclamação, não sei dizer exatamente, mas para mim a leitura não  fluia! Exemplo:

"Lágrimas escorrem pela cara de meu pai. Ele está velho.
Não dá para dizer de outro jeito. Ele tem 57 anos e é um velho.
Não estou irritado, agora. Estou com pena e assustado por ele."
(página 191)

Senti falta de continuidade no início da história, mas depois de algumas boas páginas essa sensação passou, também acabei me acostumando com a narrativa e a leitura começou a fluir. Confesso que fiquei um pouco confusa com tantas datas, idades, idas e vindas. Peguei-me várias vezes voltando na leitura para conferir as datas e as idades dos personagens.

MAS! Apesar disso tudo, não sei dizer exatamente em que momento da história meus sentimentos mudaram! Só sei que não mais que de repente eu estava apaixonada pela história e por seus personagens, desejando que o livro não tivesse fim e sentindo aquela terrível sensação de DPL! Não queria dizer adeus aos personagens, e aquela sensação de estar sozinha, mesmo estando cercada por outros livros, tomou conta de mim. (dramática! rsrsr). É inexplicável a sensação, mas fiquei por dias me sentindo meio 'orfã de livro'.

É impossível não amar Henry e Clare que, com todos os seus defeitos e qualidades, são personagens deliciosos. E o amor que sentem um pelo outro, a amizade e a entrega! Um amor profundo que nem mesmo o tempo e a distância é capaz de apagar.

Ah! Achei incrível como Audrey Niffenegger não se perdeu nas tantas viagens de Henry! O livro termina sem deixar pontas soltas, se elas existem não percebi. Para mim a história é ‘redondinha’ e todas as questões são respondidas!

O livro vale muito a pena e a história é muito linda! Afinal, ele não seria publicado em mais de 20 países e ganharia uma versão para o cinema se não fosse bom! O filme "Te amarei para sempre" - que corri para assistir assim que terminei a leitura - também é ótimo e possui algumas cenas bem fiéis ao livro!

Então vou recomendar a leitura, sim, sim, sim!


12 comentários :

  1. Que bom que você conseguiu terminar de ler! hehe
    vi o filme a partir da metade, pq cheguei em casa quando minha irmã tava assistindo. Curiosa assisti assim mesmo. Agora quero muito ler o livro pra entender tudo direitinho.

    ResponderExcluir
  2. Mi!!! Que mega fofo deve ser esse livro, obrigada por me dar aquel "empurrãozinho" que faltava para eu compra-lo.

    *PS: Essa sua resenha vai ter uma parcela de culpa muito grande na minha falta de $$.

    Beijão!!
    ^.^

    ResponderExcluir
  3. adorei a resenha, eu vi o filme e amei ... agora vou ter que ler :)

    ResponderExcluir
  4. A história realmente parece ser linda. Esse é um dos livro que nunca li nada negativo sobre ele, mas mesmo parecendo ser uma linda história de amor, não tenho vontade de ler.
    Talvez isso seja por eu saber como é o final e não gostar de finais desse tipo.
    Quem sabe um dia eu me renda a ele, né?
    Adorei a resenha. =)

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Tenho esse livro, mas tô enrolando p/ ler. Não sei porque, mas perdi o interesse. rsrs
    Sua resenha me deixou mais curiosa, vamos ver se eu animo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Quero muito ler esse livro. O filme está parado esperando que eu leia pra depois assistir.

    Bjs, Caline.

    http://mundo-de-papel1.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Ei Miriam,

    Eu amo este livro, não leio muitos romances mas este foi um dos que mais gostei. Quero ver agora o filme que eu ainda não conheço :)

    bjoo

    ResponderExcluir
  8. Quero muito ler esse livro.. sempre to adiando...
    PS: Quanto a seu email, recebi sim. Depois que tudo tiver bem definido te mando outro XD

    ResponderExcluir
  9. Passei para deixar um abraço. Boa quarta-feira!

    ResponderExcluir
  10. Poxa, eu sou louca para ler esse livro! parece ser ótimo né!
    beijos

    ResponderExcluir
  11. M!riam, usei queijo parmesão ralado (Faixa Azul). Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Vi o filme e fiquei um pouco perdida. Tinha receio q acontecesse o mesmo com o livro. Mas depois de ler sua resenha.. irei tomar coragem e o lerei. =) bjooss

    ResponderExcluir

Qual a sua opinião?

Comente a vontade e faça parte do blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Todos os marcadores

Livros ( 130 ) Novo Conceito ( 33 ) receitas ( 27 ) Promoção ( 26 ) guloseimas ( 24 ) Mensagens ( 23 ) lançamentos ( 22 ) Variedades ( 21 ) Resenha ( 19 ) Selinhos e mimos ( 17 ) Bobagens ( 14 ) Editora Arqueiro ( 13 ) Editora Planeta ( 13 ) Resultado de sorteio ( 13 ) divulgação ( 12 ) Danielle ( 11 ) Desafio Literário ( 10 ) Poesia ( 8 ) Coragem hoje é segunda-feira ( 6 ) Circuito Novo Conceito ( 5 ) Meg Cabot ( 5 ) Uma resenha pra chamar de minha ( 5 ) Editora Essência ( 4 ) Filmes ( 4 ) L. J. Smith ( 4 ) Marian Keyes ( 4 ) Nora Roberts ( 4 ) Novo Século ( 4 ) Universo dos Livros ( 4 ) Desafio Literário 2015 ( 3 ) Editora Intrínseca ( 3 ) Editora Underworld ( 3 ) Jeff Lindsay ( 3 ) Lisa Mcmann ( 3 ) Literatura Estrangeira ( 3 ) Literatura Nacional ( 3 ) Nicholas Sparks ( 3 ) Nicole Jordan ( 3 ) Rachel Gibson ( 3 ) Régine Deforges ( 3 ) Siobhan Vivian ( 3 ) Stieg Larsson ( 3 ) A Mediadora ( 2 ) Abbi Glines ( 2 ) Amazon ( 2 ) Beth Fantaskey ( 2 ) Carole Matthews ( 2 ) Dica de Leitura ( 2 ) Ebook ( 2 ) Editora Saída de Emergência ( 2 ) Editora Sextante ( 2 ) James Patterson ( 2 ) Jenna Black ( 2 ) Jenny Han ( 2 ) Jodi Picoult ( 2 ) Lançamento ( 2 ) Paulo de Castro ( 2 ) Portia da Costa ( 2 ) desabafo ( 2 ) Alicia Gallotti ( 1 ) Ally Carter ( 1 ) Amy Morin ( 1 ) Ana Paula Bergamasco ( 1 ) Angela Morrison ( 1 ) Anna Fagundes Martino ( 1 ) Anthony E. Zuiker ( 1 ) Audrey Niffenegger ( 1 ) Audrey Nixon ( 1 ) Babi Dewet ( 1 ) Barbara Delinsky ( 1 ) Becca Fitzpatrick ( 1 ) Bella Andre ( 1 ) Bernhard Schlink ( 1 ) Bruna Ischaffon ( 1 ) Cecelia Ahern ( 1 ) Chelsea Cain ( 1 ) Christine Feehan ( 1 ) Christine M. ( 1 ) Chuck Hogan ( 1 ) Clarice Lispector ( 1 ) Colleen McCullough ( 1 ) Dan Gemeinhart ( 1 ) Daniel Glattauer ( 1 ) David Gilmour ( 1 ) Drama ( 1 ) Duane Swierczynski ( 1 ) E. L. James ( 1 ) Editora Galera ( 1 ) Editora Globo ( 1 ) Editora Jardim dos Livros ( 1 ) Editora Modo ( 1 ) Editora Multifoco ( 1 ) Editora Pandorga ( 1 ) Editora Porto 71 ( 1 ) Editora Todas as Falas ( 1 ) Elizabeth Chandler ( 1 ) Elizabeth Gilbert ( 1 ) Enderson Rafael ( 1 ) Entrevista ( 1 ) Estantes ( 1 ) Eventos ( 1 ) FML Pepper ( 1 ) Fenelivro ( 1 ) Fern Michaels ( 1 ) Ficção ( 1 ) Gabrielle Charbonnet ( 1 ) Galera Record ( 1 ) Gary Smalley ( 1 ) Guilhermo Del Toro ( 1 ) Howard Roughan ( 1 ) Hugh Laurie ( 1 ) James A. Owen ( 1 ) James Bowen ( 1 ) Janaina Rico ( 1 ) Jane Austen ( 1 ) Janet Dailey ( 1 ) Jessica Spotswood ( 1 ) Jill Mansell ( 1 ) John Corey Whaley ( 1 ) John Green ( 1 ) Jojo Moyes ( 1 ) Joseph Ratzinger ( 1 ) Josiane Veiga ( 1 ) Julia Donovan ( 1 ) Julie Garwood ( 1 ) Karen Kingsbury ( 1 ) Karyn Bosnak ( 1 ) Katherine Applegate ( 1 ) Kiko Nogueira ( 1 ) Kimberly McCreight ( 1 ) Lauren Weisberger ( 1 ) Leisa Rayven ( 1 ) Leitura Nacional ( 1 ) Leticia Wierzchowski ( 1 ) Lilian Dorea ( 1 ) Marcelo Lima ( 1 ) Marco de Moraes ( 1 ) Marcos Bulzara ( 1 ) Maria Beaumont ( 1 ) Martha Argel ( 1 ) Mauricio Gomyde ( 1 ) Michael Grant ( 1 ) Nina Malkin ( 1 ) Não ao plágio ( 1 ) PE ( 1 ) Paolo Flores d'Arcais ( 1 ) Patrick deWitt ( 1 ) Paula Pimenta ( 1 ) Paulo Castro ( 1 ) Paulo Coelho ( 1 ) Primeiras Linhas ( 1 ) Prêmio Bang ( 1 ) Record ( 1 ) Romance ( 1 ) Rosana Rios ( 1 ) Rubem Alves ( 1 ) Sara Fawkes ( 1 ) Sarah Lotz ( 1 ) Sextante ( 1 ) Sobrenatural ( 1 ) Stacey Jay ( 1 ) Stella Florence ( 1 ) Stephanie Perkins ( 1 ) Stephenie Meyer ( 1 ) Suma de Letras ( 1 ) Susan Wiggs ( 1 ) Susane Colasanti ( 1 ) T. Greenwood; Livros ( 1 ) Tony Buzan ( 1 ) Vanessa de Cássia ( 1 ) Vida e Consciência ( 1 ) Wendy Markham ( 1 ) YA ( 1 ) Zíbia Gasparetto ( 1 ) amostrinha ( 1 ) corrida ( 1 ) cote ( 1 ) cotidiano ( 1 ) dicas ( 1 ) e-books ( 1 ) hora do planeta ( 1 ) runner ( 1 ) tags ( 1 )

Direitos do leitor (Daniel Pennac)

1. O direito de não ler.

2. O direito de pular páginas

3. O direito de não terminar um livro.

4. O direito de reler.

5. O direito de ler qualquer coisa.

6. O direito ao bovarismo (doença textualmente transmissível).

7. O direito de ler em qualquer lugar.

8. O direito de ler uma frase aqui e outra ali.

9. O direito de ler em voz alta.

10. O direito de se calar.


Leve adiante...

"Se um dia os homens colocarem a paz, a amizade e a compreensão acima de tudo, qualquer lugar do mundo será um bom lugar." (autor desconhecido)







Leitores pelo mundo.

  © Livros, Bobagens e Guloseimas! - Desde 28 de julho de 2009 - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo